Neste sábado (12/9) um hacker ameaçou Johannes Halter, responsável da página do Instagram, da Esquerda Marxista. Ameaçava entregar todos os dados pessoais e de endereço de Johannes Halter, assim como os de seus familiares, a um grupo que o teria contratado para isso. Em um momento diz que foi contratado por uma pessoa, em outro diz que “o grupo de pessoas que me contratou” para logo falar “nós vamos fazer”. Seja um hacker criminoso chantagista, seja um mercenário a serviço de um grupo de extrema direita ou membro de um grupo anticomunista, não vai intimidar a Esquerda Marxista e vai responder pelo que está fazendo. Ao final desta postagem você tem o link para a página ameaçada.

Este documento foi aprovado pelo órgão dirigente da Corrente Marxista Internacional (CMI) após uma discussão em 12-13 de setembro de 2020. Ele atualiza nossas perspectivas sobre a explosiva situação mundial.

O capitalismo entrou na pior crise da história de sua existência. O dano econômico desencadeado pela pandemia não tem precedentes em seu tamanho e escala. Dezenas de milhões de trabalhadores em todo o mundo perderam seus empregos. Indústrias inteiras, como turismo, hotelaria e aviação, foram dizimadas. Não haverá retorno à “normalidade”.